Construção Civil no Pará cria mais de 12.000 empregos

Compartilhar no Facebook Compartilhar no Twitter Compartilhar no G+ Compartilhar no LinkedIn Imprimir




Foto - Construção Civil no Pará* Fotos/Imagens meramente ilustrativas

Construção Civil no Pará

O balanço sobre a geração de empregos na construção civil no Pará, divulgado pelo Observatório do Trabalho, em parceria com o Dieese e a Secretaria de Estado de Trabalho, Emprego e Renda (Seter), revela saldos positivos de vagas. De janeiro a agosto deste ano, o crescimento foi de 16,35%. Foram feitas 58.871 admissões contra 46.126 desligamentos nesse setor. O saldo é de 12.745 postos de trabalho. Para acompanhar o crescimento do setor, a Seter têm planejado diversos cursos de qualificação na área para compreender a demanda crescente da economia paraense.

Este ano, a Seter já formou mais de 1400 alunos em cursos para o setor da construção civil. Para o secretário Celso Sabino, o investimento é uma necessidade para o setor que não para de crescer. “Os nossos estudos técnicos apontam esse como um setor que gera cada vez mais vagas, graças aos muitos investimentos que o Pará tem para receber nos próximos anos”, afirma.

Somente de janeiro a agosto deste ano, o aumento no número de vagas chegou 16,35%, em comparação ao mesmo período do ano passado. No mesmo período do ano passado o setor também apresentou crescimento de empregos formais, porém o saldo foi menor que o deste ano. Foram feitas naquela oportunidade 50.380 admissões contra 38.919 desligamentos gerando 11.461 novos postos de trabalho.

Nos Estados do Norte, o setor da Construção Civil, nos oito primeiros meses de 2012 (Jan-Ago), apresentou saldos positivos de empregos formais no comparativo entre admitidos e desligados. No período analisado, o Pará foi o Estado que teve a maior geração de empregos formais, com saldo positivo de 12.745 postos de trabalho, seguido do Estado de Rondônia, com saldo positivo de 4.985; do Acre, com 2.291 novas vagas; do Tocantins, com 1.460 postos de trabalho; do Amazonas, com saldo positivo de 1.343 pessoas empregadas; do Amapá, com saldo positivo de 678 postos de trabalhos e do Estado de Roraima, com 449.

Em 2012 (Jan-Ago), foram feitas na região 129.750 admissões contra 105.799 desligamentos gerando um saldo positivo de 23.951 vagas no setor da Construção Civil, um crescimento de 12,72%.

Fonte: Agência Pará

Para comprar direto de fábrica com os melhores preços de venda, entre em contato conosco.


link para pagina de produtos






© Todos direitos reservados >> Grupo IW8 - Equipamentos para Construção Civil - 2016

Logomarca do desenvolvedor